Site de música   
Coberturas de shows

Som pop com acentos celtas: Damien Rice em São Paulo

Compartilhe:


Publicada em 28, Oct, 2015 por Marcia Janini


Na noite da última quinta-feira 22 de outubro, o cantor irlandês Damien Rice realizou mais um show da turnê "My Favorite Faded Fantasy 2015" em única apresentação no Cine Jóia em São Paulo.

Subindo ao palco por volta das 23h20, o intérprete executa a linda balada introspectiva "Delicate" em versão acústica com a simplicidade do violão e voz. Remetendo ao cancioneiro popular das cidades interioranas, extrai do violão acordes suaves, de andamento constante. Seu vocal de impostação ímpar e timbre cristalino, de rara beleza, evolui em lindos e intrincados vocalizes e modulações perfeitamente técnicas, além de ousados falsetes, permeando com grande apelo minimalista a melodia de construção simples.

Mantendo o mote de suavidade e a aura romântica do espetáculo, abordando a tonalidade naïf do folk rock, as canções "9 Crimes" e "The Box" seguem em interpretações repletas de forte carga dramática e sentimental.

Sem descambar no piegas, o artista segue com grande presença e elegância, realizando uma apresentação bem cuidada. Apesar de sua aparente timidez, o carismático artista se agiganta a cada canção, estabelecendo comunicação imediata com seu público, que participa ativamente durante todo o espetáculo, em uníssono coral a cada canção apresentada.... Total sinergia com seu ídolo. Lindo de se ver e ouvir!

Em "The Professor & La Fille Danse" o grande diferencial surge no trocadilho de palavras expressas na letra e na divisão silábica incomum para a melodia, criando acidentes e anacruzes que em muito enriquecem a melodia. Vocalizes e solfejos em modulações suaves arrematam e finalizam em grande estilo a canção.

Dividindo com o público alguns dados sobre os instantes de inspiração no processo criativo de várias de suas composições no intervalo entre as canções, Rice segue estabelecendo grande intimidade com seu público, completamente à vontade, com carisma e simplicidade tocantes.

Com forte cunho autobiográfico, a canção "Amie" de andamento ralentado e tonalidade levemente rascante no vocal suave ascendendo para momentos de intensidade na conversão ao refrão, também apresenta um bom momento do show.

Para a introspectiva "Long Long Way" permeada com quase imperceptível acompanhamento do violão na introdução de densidade etérea, em mais um belíssimo momento da performance vocal de Damien, mais arranjos criativos e incomuns, com variações dinâmicas pronunciadas, ascendendo para grandes alturas e intensidades sonoras. Sem dúvida, um dos mais inspirados momentos do espetáculo.

O grande hit "Woman Like a Man" surge quebrando a aura de romantismo em um rock urgente, de delicioso andamento pop em meio à alternância de elementos soft. A guitarra distorcida em tonalidade rascante remetendo à dissonância do heavy, traduz um dos intantes de maior animação e diferencial à linear apresentação. Perfeito!

Além destas canções, grandes sucessos como "Elephant", "Volcano", "Cannonball", "Grey Room" e "The Blower's Daughter" constaram do apurado repertório.


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Zé Ramalho Comemora 40 anos de Carreira em São Paulo
Nx Zero grava novo DVD ´Registro Norte´ em São Paulo
The Stylistics Embalam o Valentine´s Day em São Paulo
21o Festival da Cultural Inglesa no Memorial da América Latina
Boyce Avenue no Cine Joia
Sandy faz show em São Paulo com sua turnê Meu Canto
Ratos de Porão e Krisiun no Tropical Butantã
Steve Vai, um dos Deuses da Guitarra, Retorna ao Brasil
O papa da dance music Giorgio Moroder em São Paulo
10000 Maniacs em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.