Site de música   
Notícias

Nokia Trends anuncia a 7a. edição

Compartilhe:


Publicada em 05, Oct, 2007 por Musicao


O Nokia Trends, projeto que traz para o público brasileiro as principais tendências artísticas do mundo, confirma a vinda do grupo australiano Van She para a edição deste ano, que será realizada em 8 de dezembro, no Memorial da América Latina, em São Paulo.

O quarteto, formado por Nick Routledge (vocais, guitarra), Matt Van Schie (baixo), Michael Di Francesco (sintetizadores) e Tomek Archer (bateria), vem ao Brasil pela primeira vez e traz o repertório conhecido na cena dance-rock como um dos mais frescos do momento. O Nokia Trends apresenta o grupo em suas duas versões: a banda Van She, ao vivo, e o Van She Technologic, responsável por remixes de Feist, Klaxons, The Presets e The Bravery (banda apresentada no Nokia Trends 2006).

Eles fazem parte do selo independente australiano Modular Recordings, representante das bandas Cut Cupy, Yeah Yeah Yeahs, MSTRKRFT, entre outras. Suas influências bebem da fonte do pós-punk oitentista, funk, synth pop, house francesa e grunge, em uma colagem musical jovem e moderna. O Van She já se apresentou em San Diego, Nova York, Londres, Berlim e Paris, mesmo tendo um único EP, lançado em 2005 (“Enchanced”), além dos singles “Kelly” e “Sex City”, que se tornaram hits em clubes e festivais new rave.

Ainda em 2007, o Nokia Trends pretende reunir expoentes do universo artístico que o consagrou como o melhor evento musical de 2006 e anunciar outras atrações internacionais, além de nomes de vanguarda da música experimental brasileira. O espaço dedicado à arte multimídia será ainda maior, privilegiando a experiência entre o público e a tecnologia móvel, por meio de obras interativas produzidas pelos principais profissionais da área.

Para sua produção artística, o Nokia Trends reúne uma equipe de curadores que orientam as ações, buscando o ineditismo, a socialização, a evolução cultural e a troca de experiências. Luciane Matiello, diretora de Marketing da Nokia conclui: “O Nokia Trends apresenta novas tendências da cultura jovem por meio de vários dispositivos reais e virtuais. O papel deste projeto é colocar a novidade não como uma notícia a ser recebida, mas como um objeto a ser experimentado”.

Com o objetivo de tornar o evento ainda mais intimista, o Nokia Trends espera receber cerca de 4 mil pessoas, além de posicionar-se como uma plataforma que vem se desenvolvendo e ganhando novas funções dentro do mecanismo cultural brasileiro e mundial. A constatação dessa mudança pode ser conferida mensalmente nas festas Nokia Trends Mob Jam, que traz DJs nacionais e internacionais a clubes de São Paulo e Rio de Janeiro. As festas promovem interações inéditas entre pickups e o aparelho Nokia 5200, com MP3 Player, que traz teclas de tocador de música. Desde julho, as festas receberam DJs nacionais como Glaucia ++, Ana Flávia, Mau Mau, Crossover (Julio Torres e Amon Lima), Pil Marques e Breno Ung, além de nomes da música eletrônica mundial como os DJs Asci.Disko e Matt K-Von.

Em maio de 2007 o Nokia Trends também apresentou ao público o Resfest, festival da cultura pop, realizado na Cinemateca Brasileira, em sua maior edição no país. No evento foram mostrados vídeos feitos “com” e “para” a nova geração de aparelhos celulares, produzidos por diretores como Bia Flecha, Rafael Coutinho, Esmir Filho e Michael Arms. E, finalmente, buscando uma aproximação maior com seu público, foi criado o programa Nokia Trends, apresentado às sextas-feiras na rádio Mix FM em São Paulo e Rio de Janeiro.

Panorama Nokia Trends
Em sua primeira edição, o Nokia Trends – Big Beach Brasil, em março de 2004, reuniu um público de quase 200 mil pessoas que lotou as areias da Praia do Flamengo, no Rio de Janeiro. O evento contou com a participação do astro da música eletrônica FatBoy Slim, além de Jon Carter e dos DJs brasileiros Marky e Patife.

O Nokia Trends – Sònarsound São Paulo, maior evento multimídia até então, apresentou atrações de todo o mundo, entre DJs, VJs, bandas de rock, MCs e artistas multimídia. A Special Edition, também em São Paulo, trouxe ao Estádio do Pacaembu um dos maiores nomes da música eletrônica, os Chemical Brothers. Em setembro de 2005, o Nokia Trends conectou as duas maiores cidades do Brasil, São Paulo e Rio de Janeiro, em festas com transmissão ao vivo, via satélite.

O Nokia Trends 2006, em São Paulo, recebeu cerca de 12 mil pessoas durante 11 horas de programação musical, arte multimídia e tecnologia. Além de um line-up que privilegiou a vanguarda da música mundial, com Ladytron, Soulwax Nite Versions e The Bravery, a grande atração foi o Nokia Trends Connecting Street, integrando o que existe de mais contemporâneo em arte digital e multimídia aliada à tecnologia móvel.

O Nokia Trends, projeto idealizado no Brasil, foi exportado para todo o mundo, e hoje acontece em países como Argentina, Colômbia, Lituânia, Itália, França, Alemanha e México, entre outros.

Nokia Trends. Interação artística e sonora na sua vida.
8 de dezembro de 2007
Memorial da América Latina
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda - São Paulo


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Leoni & Leonardo: Leoni e Léo Jaime em São Paulo
XXXPERIENCE Festival comemora 20 anos
EDC Brasil divulga line-up
XXXPERIENCE confirma Armin Van Buuren para edição de 19 anos
Sónar São Paulo anuncia sua programação musical completa
Parador Maresias arma programação especial para o Carnaval
Mixhell, projeto de Iggor Cavalera, apresenta seu DJ set na Ban TV
'PERRY/ETTY VS JOACHIM GARRAUD' É NOVA ATRAÇÃO DA TENDA ELETRÔNICA DO LOLLAPALOOZA, DIA 05 DE ABRIL
Participe do clipe de Benny Benassi
UCI Music apresenta, com exclusividade, FatBoy Slim

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2019 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.