Site de música   
Coberturas de shows

São Paulo recebe a ´Raw Tour´ de Tarja Turunen

Compartilhe:


Publicada em 21, Apr, 2022 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Tarja_Turunen_2022.jpg
Abrindo as apresentações da noite, os paulistanos do "Santo Graal" lançam várias canções inéditas no show.

Com seu lindo vocal soprano, a front mam realizou várias evoluções de extrema complexidade, atingindo tessituras altas e de rara beleza.... Uma grande voz e um enorme talento e carisma...

"Master Evil", encerrando a apresentação traz introdução de atmosfera tétrica, ascendendo para uma gostosa linha cadenciada de baixo e bateria, emoldurando o perfeito vocal da intérprete... Amazing!

Encerrando sua passagem pelo palco ao som de um de seus maiores sucessos, o Santo Graal traz nas conversões da bateria e na percussão o delicioso toque da sonoridade celta em andamento frenético. Amazing!

Subindo ao palco com introdução repleta de pompa e dramaticidade, Shaman sobe ao palco por volta das 21h00.

Modificando totalmente a dinâmica da noite, a canção "Turn Away" pesadíssima na cadência do rock de linhas hard, traz na cadenciada e constante bateria, aliada ao potente e límpido vocal de Alírio Neto um importante momento já no início da apresentação.

Na introdução, os agressivos tambores marciais abrem espaço para mais uma melodia de peso em "Distant Thunder", determinada pelas guitarras distorcidas em afinação alta e riffs rascantes, contundentes.... O baixo no contraponto auxilia nas conversões... As modulações vocais de Alírio seguem complexas e perfeitas... Na finalização, o frenético andamento do instrumental demonstra um pouco da grande técnica apresentada pela banda... Emocionante!

Trazendo o folk celta na introdução, na junção entre flautins e tambores, com os dedilhados e solapados violões de aço, a canção "For Tomorrow" evolui para um rock pesado de linhas hard, com a bateria cadenciada e o intenso trabalho do baixo em dub no contraponto, mantendo a constância da cadência, numa verdadeira avalanche sonora.

De atmosfera densa na introdução, permeada pelos riffs soltos das guitarras, trazendo uma cadência fluida, explorando sonoridade mais voltada ao soft metal, as conversões encadeadas da melodia, aliadas à explosão das guitarras ágeis em semicolcheias no refrão de "Reason" fazem desta mais uma importante execução no show...

A suave introdução no piano de "Innocence" traduz a esta linda balada um romantismo refinado, remontando ao erudito contemporâneo... Os flautins permeiam de graça os lindos acordes do piano. O vocal firme, traduz aos versos grande carga de dramaticidade estética, em um dos instantes mais lindos da apresentação.

"The 'I' Inside", inédita canção do atual álbum de trabalho traz na introdução elementos das canções orientais na introdução, remetendo ao derbak árabe e ascendendo para uma canção forte, cadenciada em andamento frenético bem

explorado pela bateria de condução precisa.

"Who Wants To Live Forever" (Queen) aparece inusitadamente como canção incidental, para esta canção repleta de variações dinâmicas e movimentis distintos, remetendo ao rock progressivo, numa composição genial! Very precious!

Para o inspirado cover de "More" (Sisters of Mercy) mais uma grata surpresa na apresentação., seguida pela linda "Brand New Me", uma balada que traz todo o brilhantismo de uma intrincada e bem construída melodia.

A linda "Fairy Tale", em um dos instrantes de maior sinergia da apresentação, com a maciça participação do público, Alírio brilha nos vocais e na condução do piano. Lindo momento!

Além desses sucessos, a divertida introdução electro para "Ritual" traduz um delicioso ar dançante e de celebração à melodia. Finalizando em grande estilo a apresentação, com "Pride".

Subindo ao palco por volta das 22h30, Tarja Turunen chega em grande estilo, na forte introdução de "Serene" em ethereal, para a execução da urgente "Demons in You".

A suavemente dançante e grooveira "My Little Phoenix" na introdução traz o apelo forte do baixo em dub step, ascendendo para um cadenciado firme na bateria, que se alia às guitarras distorcidas e ao vocal perfeitamente bem colocado de Tarja.

A introdução tétrica de "Anteroom of Death" remonta ao minimal de suaves címbalos, ascendendo para a fúria dos tambores celtas, seguida por "Diva", que traz na introdução elementos do folk, ascendendo para uma dinâmica de som pesada, contundente. Amazing!

Poderoso, o vocal de Tarja já inicia em tessituras altas de extrema complexidade técnica em "Goodbye Stranger", uma melodia linear, de cadência consistente e poucas variações dinâmicas, numa avalanche de sonoridades densas. Amazing!

A melodia marcante dos violinos introdutórios abre espaço para sonoridades rascantes das guitarras encadeadas para "Falling Awake", e uma melodia de andamento e cadência constante, com elementos pautados no pop rock da bateria cadenciada, se alia ao peso dinâmico do heavy das cordas.... Great!

Após o belíssimo solo instrumental, o show prossegue com a suíte de "Undertaker", que alterna movimentos e variações dinâmicas com maestria ímpar... Perfect!

Para a medieval introdução de "Tears in Rain", um dos pontos mais altos da apresentação, os vocais fortes de Tarja dividem-se com seu guitarrista, de grave timbre forte, em um dueto belíssimo, permeado pelos envenenados arranjos do teclado, em uma melodia em tudo brilhante!!!

Apenas se fazendo acompanhar pelo piano em "Innocence", em vocalizes e modulações profundas, Turunen brilha em toda a extensão de seu carisma e talento. Lindo instante!

"I Walk Alone" grandiloquente em sua introdução, traz o forte instrumental celta, muito bem representado pelos acordes do teclado, em uma melodia diferenciada, que alia o lirismo erudito do perfeito vocal modulado de Tarja ao peso dinâmico do heavy em riffs solapados e firmes das guitarras distorcidas. Amazing!

Além destas canções constaram do setlist outros hits como "Dead Promisses" e "Until My Last Breath", totalizando uma apresentação bem cuidada e perfeita até nos mínimos detalhes.


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Jota Quest - Espaço Unimed - Turnê ´Jota 25 - De Volta ao Novo´
Mcfly no Espaço Unimed
End of the Road: Kiss se despede de seu exército de fãs em grande estilo
5o. e Último dia do Rock Brasil 40 Anos em São Paulo
4o. Dia de Rock Brasil 40 Anos
São Paulo recebe a ´Raw Tour´ de Tarja Turunen
3o. dia de Rock Brasil 40 Anos
2o Dia de Rock Brasil 40 Anos
1o. dia de Rock Brasil 40 Anos
Beethoven é Rock n´Roll com a Orquestra Bachiana - Filarmônica sob a regência do Maestro João Carlos Martins

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2022 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.