Site de música   
Coberturas de shows

Versão Brasileira com Jorge ben Jor e Criolo

Compartilhe:


Publicada em 04, Dec, 2017 por Fabiano Cruz


criolo-jorge-ben-jor.jpg
O projeto Versão Brasileira já faz parte do calendário musical de São Paulo. A festa que sempre nos traz dois grandes nomes da música brasileira e um DJ comandando as pick-ups no som ambiente, chegou em sua quarta edição com Criolo e Jorge Ben Jor. A sexta em uma noite gostosa e refrescante, teve o espaço das Américas na Barra Funda um excelente público, mostrando que o formato, mesmo em um dia de trabalho e começando relativamente tarde, faz sucesso entre os amantes de nossa música.

O som da festa foi deixando as pessoas a vontade (muitas já dançavam antes do show) desde a abertura da casa e sem muitos atrasos, Criolo subiu ao palco. O rapper que deu uma moldada ao seu som lançando o disco de sambas Espiral de Ilusão teve esse como o foco de sua apresentação. Não deve ser fácil chegar tocando um estilo qual Jorge Bem tem estigma de mestre antes dele no mesmo palco, mas canções como a faixa título, Menino Mimado e Nas Águas mostrou um Criolo seguro nas canções. O Samba sempre teve um espaço aqui e ali na obra de Criolo, mas o tom rapper misturado ao gingado do samba teve espaço em Ainda Há Tempo e Fermento Pra Massa. Criolo em palco tem uma dualidade forte: enquanto suas letras transbordam críticas feroz em palavras extremamente pensadas e criativas, sua imagem pessoal ilumina paz; um dos maiores pensadores de nossa atual música mostra a realidade de muitos sem soar agressivo. Aplaudidíssimo!

E em um curto intervalo, o clima de festa chega com tudo. A criatividade e retalho musical que mistura Samba, Rock, Jazz, experimentos de Jorge Ben já é ícone na história da música brasileira. O astral de sua apresentação é surreal, impossível ficar quieto a sons como Oba Lá Vem Ela, Santa Clara Clareou, Magnólia, Fio Maravilha... Jorge Ben esbanja simpatia e dá espaço a todos seus músicos em improvisos que mesmo em certos momentos longos, não cai nem um pouco a energia da apresentação; e tome canções que já fazem parte do cancioneiro moderno brasileiro - W/ Brasil, Pais Tropical, Taj Mahal. Quase duas horas de uma apresentação que representa perfeitamente a festa proposta pela produção.

Produção, aliás, perfeita em todos os sentidos, da iluminação sem falhas e muito colorida ao som cristalino saindo das caixas e PAs; mesmo que o Espaço das Américas já seja uma casa qual prioriza a qualidade sonora, nesse show chegou a sem nenhum erro, numa qualidade 100%, algo realmente complexo de fazer e raro de acontecer.

Como será a produção do próximo Versão Brasileira? Qualidade já sabemos que temos.. nessa quarta edição deixou aquele gosto de "quero mais" mesmo sendo mais de quatro horas de música contado DJ e apresentações! Que venha a quinta edição!


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Delain + Vuur no Tropical Butantã
Los Hermanos surpreende em apresentação para 45 mil pessoas em São Paulo
Mark Farner no Teatro Gamaro
Temple of Shadows in Concert em São Paulo
Clube da Esquina: Milton Nascimento em São Paulo
O Death Metal de Beyond Creation e Exhumed Chega à São Paulo
Gilberto Gil e Paralamas do Sucesso - Projeto Versão Brasileira
Lolla Parties: Snow Patrol + Lany
Freshen Up: Paul McCartney em São Paulo
Jota Quest no Acústico ´Músicas Para Cantar Junto´ em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2019 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.