Site de música   
Coberturas de shows

Zé Ramalho Comemora 40 anos de Carreira em São Paulo

Compartilhe:


Publicada em 18, Jun, 2017 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Ze_Ramalho-2017.jpg
Na noite do último sábado, o Espaço das Américas em São Paulo recebeu mais um show da turnê comemorativa dos 40 anos de carreira do cantor e compositor Zé Ramalho.

Iniciando por volta das 22h45 com a belíssima releitura para a clássica música de protesto de Geraldo Vandré "Para Não Dizer Que Não Falei das Flores", Zé Ramalho traz muita energia nesta versão e arranjos mais firmes e consistentes apoiado nos acordes preciosos do sax tenor.

Trazendo o acento do folk rock, "Tá Tudo Mudando" (versão para "Things Have Changed") e "Batendo na Porta do Céu" (versão para "Knockin´ On Heaven´s Door"), ambas do cantor e compositor Bob Dylan, surge o lado roqueiro do artista, rememorando com maestria e precisão em elaboradas releituras o álbum tributo gravado pelo compositor em 2008.

Em um momento bem descontraído da apresentação, trazendo modernos arranjos, o grande sucesso "Mistérios da Meia-Noite", surge com bateria suavizada e suaves acordes do clarinete permeando as conversões ao refrão.
Em fidedigna versão à gravação original "Entre a Serpente e a Estrela", grande sucesso e uma das mais emblemáticas letras do artista, traz a doçura do clarinete de Toti Cavalcante em contraponto ao vocal firme e urgente do cantor.

Voltando às suas raízes no frevo nordestino, Zé traz "Táxi Lunar", no delicioso e diferenciado "martelo" que caracteriza o estilo, bem marcado na impecável condução da bateria de Edu Constant, traduzindo o acento mourisco trazido pelos mascates árabes nos arranjos do sax tenor que surgem com modernidade e ousadia.

Na cadência do forró clássico "A Terceira Lâmina" traduz na estrutura em rondó e na "firula" de sua estrutura cíclica - tendo os tradicionais pífanos substituídos pelo clarinete, e a potente zabumba pela caixa clara da bateria -inovadores arranjos mantendo a métrica original da melodia, em um dos momentos mais significativos do espetáculo.

"Banquete de Signos" surge com nova roupagem, executada por instrumentos típicos da sonoridade nordestina. Nota para a beleza dos acordes da flauta piccolo, e para a força impressionante da zabumba de Zé Gomes marcando o compasso e sustentando o malemolente andamento.

"Eternas Ondas", reflexiva, com sua letra rebuscada e repleta de metáforas, aliada à linda melodia, antecede a autobiográfica "Avohai", que explora em sua métrica a rica fusão de estilos que caracteriza o cancioneiro popular do norddeste brasileiro, com influências na sonoridade mediterrânea trazida pelos mascates do Oriente Médio e estrutura cíclica lusitana. O triângulo permeia com graça e elegância a melodia. Grande momento do show relembrando um dos grandes momentos da prolífica carreira de Zé Ramalho.

Outro grande marco da carreira "Vila do Sossego", com o charmoso fraseado vocal rápido em meio à métrica entrecortada antecede a execução de um de seus maiores hits, a introspectiva "Chão de Giz", marcando momentos especiais na noite.

Com arranjos suavizados pela introdução da flauta piccolo e presença dos bongôs traduzindo ar latino "Garoto de Aluguel" surge, trazendo no baixo em dub de Chico Guedes delicioso swing, como contraponto à bateria cadenciada.

Rememorando com seu público mais um marco da carreira, com jazzísticos arranjos na introdução, "Admirável Gado Novo" surge abrilhantando a memorável apresentação.

Na sequência homenageando um dos grandes nomes do rock nacional, o baiano Raul Seixas, surgem versões cover para dois de seus grandes sucessos "Gita" e "Medo da Chuva".

Finalizando o show "Frevo Mulher" surge num descontraído convite à reflexão, demonstrando mais uma vez se tratar de atemporal canção, com arranjos modernizados em momento de grande beleza estética. Amazing!


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Zé Ramalho Comemora 40 anos de Carreira em São Paulo
Nx Zero grava novo DVD ´Registro Norte´ em São Paulo
The Stylistics Embalam o Valentine´s Day em São Paulo
21o Festival da Cultural Inglesa no Memorial da América Latina
Boyce Avenue no Cine Joia
Sandy faz show em São Paulo com sua turnê Meu Canto
Ratos de Porão e Krisiun no Tropical Butantã
Steve Vai, um dos Deuses da Guitarra, Retorna ao Brasil
O papa da dance music Giorgio Moroder em São Paulo
10000 Maniacs em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.