Site de música   
Coberturas de shows

Mayhem na Clash Club

Compartilhe:


Publicada em 12, Oct, 2016 por Fabiano Cruz

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Mayhem-2016.jpg
Besteira falar o quanto é seminal o trabalho De Mysteriis Dom Sathanas do Mayhem não só para o Black Metal, mas sim pra a história do Heavy Meta como um todo; o trabalho foi um dos mais importantes de toda uma geração envolva de ocultismo, satanismo e misticismo, com histórias de rituais, assassinatos e suicídios. O trabalho até hoje perdura na mente de muitas pessoas, principalmente pelo nome de Euronymous, que gravou o disco e se tornou uma figura lendária na história do lado mais extremo do Heavy Metal.

Tocar esse disco na integra seria um ato de coragem; não deve ser fácil reproduzir toda a aura sombria e mística que a gravação tem. Mas a banda encarou com coragem o feito. A casa Clash Club ficou relativamente cheia, e sem banda de abertura e sem atrasos, e com o palco reproduzindo a capa do disco, Mayhem não foi de muita conversa; do jeito que subiram no palco ali foram um pouco mais de 45 minutos de um som avassalador e hipnotizante. A força que as músicas Funeral Fog, Freezing Moon – essa um clássico do Heavy Metal -, Cursed in Eternity, Pagan Fears, life Eternal, Fro the Dark Past, Buried by Time and Dust e De Mysteriis Dom Sathanas causam é algo sem explicação: enquanto uns se tomavam pela fúria do instrumental como uma verdadeira horda de guerreiros infernais nas rodas intermináveis pela casa, outros ficaram parados e estáticos enfeitiçados pelas letras e ambiente sombrio causado – não teve meio termo, não teve outras reações a quem estava lá a não ser essas duas.

A força das canções aumentou exponencialmente pela atuação impecável em palco, principalmente do baixista Necrobutcher e do vocalista Attila Csihar, esse que, aliás, um dos maiores frontman que eu vi... sua performance é impecável, hora fazendo movimentos ritualísticos, hora fazendo movimentos que beiram o doentio; sua performance de clérigo segurando um crânio e um candelabro faz de qualquer banda nova que se chamam de “satanista” mera brincadeira de criança... Outro ponto que ajudou no clima sombrio foi a iluminação: diferente das bandas que utilizam muito o vermelho e amarelo, Mayhem usou e abusou do azul e branco, dando um ambiente gélido e mórbido no palco.

Após tocar a obra máxima na íntegra, Mayhem volta sem muitas firulas para o bis, e poderia dizer que se fosse mais longo seria outro show; sem figurino sombrio, iluminação mais clara, e uma atitude totalmente Punk Rock, tivemos como presente canções do começo – e também bem cultuado – da banda, hinos como Deathcrush, Chainsaw Gutsfuk e Pure Fucking Armageddon. Um golpe final muito bem dado.

Dando atenção aos fãs, a banda termina com aquele gosto que faltou algo. E faltou. Apesar de ter sido uma apresentação de um disco na íntegra, parece ser comum hoje as bandas extremas não toarem por mais que uma hora e vinte minutos – tempo aproximado desse show. Outro ponto que ficou a desejar foi o som: por mais “ruídoso” que seja o estilo do Mayhem, o áudio estava muito embolado chegando a partes de não escutar os solos da guitarra; a banda tocou na raça e na unha com o que podiam.

O resultado foi mesmo assim acima do esperado. Afinal, não e sempre que podemos ver ao vivo um clássico do estilo com seus criadores numa noite afinadíssima...

(Um detalhe que me chamou a atenção: diferente das bandas do estilo que deixam ruídos e efeitos após a apresentação, o Mayhem deixa no som a versão de I Put a Spell on You de Jay Hawkins, mostrando respeito às origens de muita coisa...)


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Luiza Possi canta Michael Jackson num tributo emocionante no Teatro Porto Seguro
Super Tour de Pet Shop Boys passa por São Paulo
Overload Music Fest 2017
The Vamps em São Paulo
5 Seconds of Summer em São Paulo
In Concert: Roberto Carlos em São Paulo
Information Society na Audio Club - Festa da Toco
Festa Rádio Metropolitana com Skank
Show Lindsey Stirling no CitiBank Hall
Nile em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.