Site de música   
Coberturas de shows

Clássicos do Hard/ Heavy Metal: Accept em São Paulo

Compartilhe:


Publicada em 12, Apr, 2016 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Na noite da última sexta, 8 de abril, um dos clássicos grandes nomes do hard rock e heavy metal sobem ao palco do Carioca Club para mais um show de sua turnê "Blind Rage".

Iniciando o show com o hit "Stampede", a banda sobe ao palco às 19h00, cheios de vigor e esbanjando carisma, estabelecendo comunicação automática com seu público na cadência alucinante, frenética do heavy metal de linhas clássicas.

Para "Stalingrad", um dos grandes ´hinos´ da história do metal, a banda conta com o apoio da platéia, em efusiva participação nos momentos dedicados ao refrão. Nota para a exímia guitarra em riffs intrincados e ágeis e para a boa condução da bateria cadenciada, em conversões nada óbvias. Great!

A suavizada "Hellfire" antecede a explosão instrumental de "London Leatherboys", uma canção linear, com bons momentos das guitarras rascantes, ascendendo para riffs em cromatismos interessantes, de grande complexidade técnica.

Em uma das melodias mais fluidas e descontraídas do show, a curta "Living for Tonite" abre caminho no espetáculo para a entrada de "Restless and Wild", de acordes encadeados em cascatas de semicolcheias incendiárias nas guitarras e exímia condução da bateria em desenhos sonoros repletos de alternâncias interessantes.

"Midnight Mover" já na introdução traduz a influência do psicodelismo 70´s na introdução de dedilhados ágeis das guitarras, ascendendo para o andamento cadente do hard rock. O vocal explorando agudos pronunciados surge emoldurado brilhantemente pelo brilhante instrumental. Digno de menção o baixo em contraponto perfeito à bateria.

"Dying Breed" já surge descontraída, irreverente, com ousadia e atitude. Aos acordes extraídos das guitarras em afinação padrão, numa perfeita junção entre guitarra ritmica e melódica, o baixo em dub permeia com graça a melodia, pontuando as conversões com elegância e energia.

Em uma verdeira viagem aos sentidos, o andamento frenético impresso à melodia de "Final Journey", com o peso contundente da bateria temperando com maestria as intensas variações dinâmicas, faz desta canção um bom diferencial. Traduzindo em sua estrutura elementos do progressivo, a canção denota em sua finalização intensa um dos grandes momentos do duo de guitarras durante a apresentação.

Explorando aura clássica, em acordes suavizados típicos do hard rock "Shadow Soldiers" traduz melodia rica em acordes complexos. Suaves distorções traduzem charme extra à força instrumental.

Nas guitarras rascantes de tonalidade vigorosa da introdução aliadas ao vocal técnico, em solfejos altos, ampliando a força do refrão na junção com os breaks estratégicos da melodia a alegre "Starlight" surge como mais um dos pontos altos do espetáculo.

Densa e repleta de tensão dinâmica "Bulletproof" traz em sua intrincada construção melódica elementos progressivos para a cadência alquebrada de cromatismos da melodia, que apresenta cadência pautada no hard rock de linhas clássicas.

Efusiva e frenética "No Shelter" surge brilhante no andamento frenético do heavy metal, com a participação marcante do baixo permeando a melodia para o duo de guitarras, em mais um excelente momento da apresentação.

O grande clássico "Princess of the Dawn", com a densidade bem marcada pelas guitarras rascantes que ascendem para riffs contidos, baixos e lindamente interpolados do duo de guitarras bem acompanhadas pela bateria de condução precisa, apoiam a energia vocal, que explode em um dos mais inspirados momentos de seu front man.

Surgindo em semi-gutural, o vocal explora com grande propriedade os recursos densos da melodia para "Fall of the Empire". A força desta melodia surge na linearidade expressa pelos acordes e riffs de andamento suavizado bem posicionados no movimento cíclico da harmonia.

Além desses sucessos, outros grandes hits como "Dark Side of my Heart", "Pandemic", "Metal Heart", "Son of a Bitch" e "Balls to the Wall" constaram do setlist da apresentação.


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Luiza Possi canta Michael Jackson num tributo emocionante no Teatro Porto Seguro
Super Tour de Pet Shop Boys passa por São Paulo
Overload Music Fest 2017
The Vamps em São Paulo
5 Seconds of Summer em São Paulo
In Concert: Roberto Carlos em São Paulo
Information Society na Audio Club - Festa da Toco
Festa Rádio Metropolitana com Skank
Show Lindsey Stirling no CitiBank Hall
Nile em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.