Site de música   
Coberturas de shows

Domingo Classic Metal: Gamma Ray em São Paulo

Compartilhe:


Publicada em 06, Oct, 2015 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Gamma_Ray_2015.jpg
Na noite do último dia 4 de outubro, a banda de heavy metal Gamma Ray se apresentou no Carioca Club em São Paulo, trazendo para seus fãs grandes sucessos da carreira e canções de trabalhos mais recentes em mais um show da turnê "Best of the Best - Party Tour 2015".

Subindo ao palco por volta às 20h30 após a introdução denominada "Welcome", Kai Hansen e banda atacam os primeiros acordes de "Avalon", canção consistente, de andamento fluido, com vertiginosas variações dinâmicas e elementos de progressive metal em sua tessitura.

Para a divertida "Heaven Can Wait", os carismáticos músicos trazem o andamento constante na cadência do hard rock, trazendo cordas em acordes suavizados e moderada agilidade, num interessante contraste com a canção seguinte "Last Before the Storm" apresentando maior vigor dinâmico e peso, determinado pela bateria cadenciada com reforço de bass, trazendo baixo contrapontístico em dub e guitarras em afinação alta.

Em um dos mais importantes momentos do show "Induction" surge com ares de grande hino, com intensa participação do público. A canção de andamento frenético inicia com grandiloquente introdução, remetendo à sonoridade do baixo medievo, grave e cadenciada. Num crescendo, a melodia atinge escopo e forma, sugerindo uma avalanche de acordes de grande complexidade, exigindo agilidade e destreza na condução instrumental, executada com brilhantismo pelos experientes músicos.

Após mais uma belíssima execução de instrumental complexo em "Dethrone Tyranny" numa brincadeira que demonstra a grande versatilidade da banda, surge a divertida versão da canção, com o andamento ralentado e o fraseado malemolente do reggae, retornando posteriormente à linha melódica original. Momento descontraído do show.

Depois de uma inspirada versão cover para a clássica "I Want Out" (Halloween), outros impactantes momentos da apresentação ficaram por conta da execução da introspectiva "The Silence" e um exímio solo de bateria e baixo, onde Michael Ehré e Dirk Schlächter brilharam mais uma vez com seu inegável talento e carisma.

"Blood Religion" e a frenética "Master of Confusion", com seus acordes dissonantes, guitarras distorcidas e cromatismos, com vertiginosas variações de andamento e cadência surgem como bons diferenciais à apresentação. Repleta de breaks estratégicos apoiando a força do refrão, com sua vigorosa bateria cadenciada surge mais uma bela finalização, realizada com grande valor estético.

Além destes sucessos " Send Me a Sign", "Land of the Free" e "Somewhere Out in Space" constaram do repertório da apresentação.


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Em Apoteótica Apresentação, Bon Jovi Encerra o Segundo Dia do SP Trip
Primeira Noite do SP Trip Apresenta Três Gerações do Rock, com a Memorável Apresentação de The Who
Luiza Possi canta Michael Jackson num tributo emocionante no Teatro Porto Seguro
Super Tour de Pet Shop Boys passa por São Paulo
Overload Music Fest 2017
The Vamps em São Paulo
5 Seconds of Summer em São Paulo
In Concert: Roberto Carlos em São Paulo
Information Society na Audio Club - Festa da Toco
Festa Rádio Metropolitana com Skank

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.