Site de música   
Coberturas de shows

Vertentes Do Hardcore: Biohazard

Compartilhe:


Publicada em 18, Mar, 2013 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


Na noite da última sexta-feira, 15 de março, a casa de espetáculos Via Marquês, localizada na zona Oeste da capital, recebeu a banda Biohazard, em única apresentação na capital paulista. O público, estimado em aproximadamente 2 mil pessoas, apreciou grandes clássicos do repertório desta banda, uma das mais influentes do gênero.

A vigorosa “Five Blocks To the Subway” traz a precisa fusão entre vertentes do heavy metal e hardcore, traduzindo-se na cadência do hard rock de influências clássicas. Variações na cadência e no andamento surgem frenética, descontraindo e agitando o público.

“Tales From the Hard Side” já traduz na intro o furioso andamento aceleradíssimo do hardcore. A letra com ares de grande hino traduz no refrão facilmente assimilável e crítico palavras de ordem, que o permeiam com precisão... Somando-se as conversões realizadas com extrema perícia, explorando grande técnica dos versáteis músicos, esta canção encerrou um grande momento na apresentação. Realmente empolgante!

As festivas “Wrong Side of the Tracks” e “ Hold My Own” principiam com introdução alucinante, num dos momentos mais expressivos e de maior intimidade da carismática banda com seu público. Os fãs foram convidados a cantarem com a banda, literalmente, subindo ao palco! Em meio às sessões de “mosche”, os mais ousados chegaram a dividir os vocais no microfone ou a execução de vários instrumentos, em momento de total irreverência e descontração. Num grande gesto de humildade e reverência aos presentes, os integrantes da banda, além de dividirem os holofotes ainda ficaram, muitas vezes, em segundo plano, permitindo que os convidados ocupassem o proscênio. Aclamado pelo público, Evan Seinfeld cantou literalmente sobre a platéia, carregado nos ombros dos mais exaltados! Incrível!

Com introdução cadenciada, de andamento lento, explorando acordes típicos das bandas marciais, a reflexiva “Punishment” apresenta em sua melodia guitarras distorcidas em afinação alta, ditando a tônica da excelente execução. Hibridismos surgem no reforço de agudos determinados pelos chimbaus e pedaleiras de efeito numa interessantíssima sonoridade. O fraseado vocal suavizado e coerente pauta-se no hard rock de linhas clássicas.

“Shades of Grey” segue a cadência do heavy metal, determinada pelas dissonantes e geniais guitarras de Billy Graziadei e Bobby Hambel em riffs precisos na introdução, permeados pela condução sempre brilhante de Danny Schuler.

“Black and White and Red All Over” traduz o peso do heavy metal na introdução. Bem pontuado, o baixo de Seinfeld segue em perfeito contraponto à bateria, reforçando elegantemente os graves em melodia alta, com predominância de acordes agudos bem explorados e consistentes. A conversão para a segunda parte fica interessantíssima com o surgimento de tonalidades e andamentos bem distintos. O ataque furioso das rascantes guitarras de Graziadei e Hambel, na sequência, a arremata a boa finalização!


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Festival Nova Brasil FM 2017
David Garrett em Explosive
Jota Quest Turnê 'Acústico' no Espaço das Américas
O Rappa turnê #ORappanobrennand no Espaço das Américas
Com produção impecável Maluma mostra porque merece o titulo de 'Rei do Reggaeton'
Jack Johnson, Turnê ´Summer Tour - 2017´ no Espaço das Américas
SOJA no Espaço das Américas
HonorSounds: De La Tierra + Armored Dawn em São Paulo
Revolution Radio: Green Day em São Paulo
ANAVITÓRIA o duo que está mostrando cada vez mais que veio para ficar.

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.