Site de música   
Coberturas de shows

Som antenado na Via Funchal: Babel Fest

Compartilhe:


Publicada em 07, Feb, 2012 por Marcia Janini

Clique aqui e veja as fotos deste show.


manu-chao.jpg
No último sábado, dia 4 de fevereiro, o festival teve início por volta das 22h30, trazendo algumas bandas do cenário indie alternativo para um público jovem e descolado…

Com abertura dos DJs Criolina e Barata, onde variados estilos auxiliaram a ambientação, festiva e aconchegante, o público foi se aquecendo para as atrações que viriam em seguida.

A banda China trouxe sonoridade voltada às tendências do rock, onde ao pop moderno e gostoso de ouvir, com letras ácidas e cheias de irreverência, fundiram-se elementos extraídos do classic rock; do heavy metal em riffs rascantes e agudos das insandecidas guitarras; do punk rock na bateria cadenciada de boa condução e elementos típicos da street music em breaks vigorosos, resssaltando o efeito dos refrões e no fraseado vocal ligeiro, remetendo ao hip hop... Excelente caldeirão de estilos, bem fundidos, revelando talento, criatividade e ousadia!

Em seguida a suavidade eletrônica do Mombojó trouxe a sonoridade brasileira, revelando entre a cadência do pop letras críticas de construção inusitada, criando interessante tessitura concomitantemente poética e satírica. Os estilos, leves e suaves que determinam as origens das melodias, apresentam a junção harmoniosa da bossa nova, samba rock, funk 70`s, disco, a esparsos elementos regionais, reproduzindo o timbre do xote e baião. O maior momento da apresentação, a canção “Pa pa pa”, muito executada desde seu lançamento e reconhecida também pela originalidade do vídeoclipe, abrilhantaram a apresentação bem suceidda da banda.

Após breve pausa com retorno da discotecagem trazendo ritmos latinos como a salsa, a aguardada atração da noite, Manu Chao já iniciou sua apresentação cheio de atitude, colocando o público para dançar ao sabor da mescla entre latinidade e reggae de raiz, numa apresentação em tudo bem conduzida. Nas finalizações, um ritmo de maior peso, trazendo a cadência frenética do ska-punk para as canções, com grande resposta do público que dançou e agitou durante todo o espetáculo.

O festival, findo por volta da 1h00, trouxe o que de melhor e mais criativo se têm produzido no meio indie/underground brasileiro, finalizando com Manu Chao, um dos grandes expoentes do reggae/ska da atualidade. Aguardemos as próximas edições!


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Luiza Possi canta Michael Jackson num tributo emocionante no Teatro Porto Seguro
Super Tour de Pet Shop Boys passa por São Paulo
Overload Music Fest 2017
The Vamps em São Paulo
5 Seconds of Summer em São Paulo
In Concert: Roberto Carlos em São Paulo
Information Society na Audio Club - Festa da Toco
Festa Rádio Metropolitana com Skank
Show Lindsey Stirling no CitiBank Hall
Nile em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2017 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.