Site de música   
Coberturas de shows

Iron Maiden: Retorno Às Origens Na Fronteira Final

Compartilhe:


Publicada em 28, Mar, 2011 por Marcia Janini


No último sábado, 26 de março, a banda Iron Maiden apresentou-se no Estádio do Morumbi, em São Paulo, para um público de mais de 50 mil pessoas.

Abrindo a noite de shows, Cavalera Conspiracy, também em excelente forma, com a volta aos palcos dos irmãos Max e Igor Cavalera, trouxe o melhor do black e trash metal em canções atuais e alguns grandes sucessos de sua prolífica carreira com o Sepultura.

A introdução da apresentação já inova no solo de bateria com suaves influências da sonoridade mourisca, em especial árabe, num sampler apropriadamente fundido na condução precisa e ousada da bateria.

Em excelente comunicação com o público, Max com seu poderoso vocal gutural e grande comunicação com o público, entra sobre intensa aclamação da platéia, trazendo todo a força do metal em interpretações inspiradas e viscerais, com grande peso e robusta simpatia em “Warlord”.

“Inflited” traz o ensurdecedor som das guitarras distorcidas em complemento à bateria cadenciada e absurdamente rápida, em mais uma demonstracão da destreza e agilidade de Igor. Baixo auxilia no contraponto à condução da cadência, ampliando o peso da melodia, que ascende por meio de riffs alucinanates da guitarra na conversão dos refrões. Na finalização, a bateria retorna com vitalidade máxima, abusando da ousadia, remetendo por instantes à influências do punk rock da primeira geração. Genial!

A introdução na cadência do punk com guitarras em acompanhamento dub traduzem à mensagem forte da letra de protesto de “Killing Inside”, perfeita fusão entre punk e metal, indicando cadência voltada para o hardcore, com o empostado vocal arrasando em meio aos solos de guitarra…

Do primeiro CD solo e video-clipe surge em anadamento e cadência alucinantes, com breaks determinados pela introdução das enfurecidas guitarras, numa melodia pautada pelo intenso instrumental a excelente “Sanctuary”, com finalização mais cadenciada mas não menos alucinante, perfeita no brilhantismo de Igor na condução da bateria, acompanhada com furor pelo baixo e guitarra em distorção ascendente. Vocais guturais incitam à rebeldia com grande propriedade, traduzindo-se em certa nota de nacionalismo no baião/xote mesclado em suaves notas entre as conversões. Fantástico!

Em mais uma bela execução “Territory” assume na cadência notas darks e nebulosas do black metal, em fusão com a louca introdução que remete à tambores pagãos, em vertiginosa e alucinada velocidade no andamento. Influências sutis do ska na finalização determinam notas de hardcore.

Além destas canções, fizeram patrte do seleto repertório “Thrasher”, “Torture”, “Terrorize”, “Refuse Resist”, “Walking Away”, “Doom of All Fire”’, “Troops of Doom”, encerrando com o grande sucesso “Roots”.

Sonzeira densa e pesada, pancada nos ouvidos e sentidos, no melhor estilo que os consagrou como grandes músicos e compositores da cena metal brasileira. Uma das melhores vozes do metal está de volta! O público já estava com saudades…

Em seguida, após breve intervalo, a banda Iron Maiden sobe ao palco na turnê de seu mais recente trabalho “The Final Frontier”, sob forte aclamação do público.

Cenário remete à robótica e futurismo, em meio à mísseis, naves interplanetárias e iluminação exímiamente projetada, com dois feixes centrais descendo das gambiarras em movimentos ousados entre algumas canções.

O show inicia coma canção de trabalho “Satellite 15… The Final Frontier”, num resgate à sonoridades dos primordios da carreira, com andamento um tanto mais lento e sem o frenesi do refrão. Boa canção, melodia bem construída e letra reflexiva. Interessante , porém não empolgou o grande público.

A canção seguinte, “El Dorado” segue métrica próxima à da canção de abertura, verticalizando um pouco apenas no refrão, pelo virtuosismo da guitarra e da bateria em acordes profundos e inspirados.

“The Talisman” apresenta belo solo de guitarra nas conversões do refrão, ascendendo para tonalidades ainda mais agudas e lancinantes.

“Coming Home”, em sua balada densa remete ao futuro e às incertezas de um mundo em constante transformação, trazendo em sua letra um alerta sobre a destruição do planeta. Forte e introspectiva, apoiada pelas palmas do público na marcação do tempo, traz vocais inspirados e suaves, num timbre suave e ao mesmo tempo forte, inflexivo, conduzindo à reflexão, num dos momentos mais sérios e belos da apresentação. Da calma balada inicial, a canção verticaliza para a forca do heavy metal com cadência que remete aos anos 80/90, em mais uma incrível finalização da bateria de condução ímpar, acompanhada pela guitarra de histéricas linhas ascendentes em distorção, aliadas ao belíssimo conraponto do baixo. Fabuloso!

Além das cançòes de trabalho do recente álbum, a banda executou alguns de seu antigos sucessos para delirio dos presentes, como “The Evil That Men Do”, “Fear of The Dark” e “Iron Maiden”, reservando para o momento do bis “The Number of the Beast”, “Hallowed Be Thy Name” e a antológica “Running Free”, numa apresentação ditada pela tônica de irreverência e intenso carisma de Harris, Murray, Dickinson, Smith e Mc Brain, em intensa comunicação e sinergia com o público.


A.T.: A apresentação de ontem, domingo, 27 de março, para cerca de 15 mil pessoas no Rio de Janeiro precisou ser interrompida devido à queda de parte do alambrado, impossibilitando a continuidade da apresentação. Novo show foi marcado para hoje, segunda feira, e os pagantes que não puderem comparecer poderão solicitar o reembolso do valor do ingresso.


[ << Ant ]    [ << Mais notícias ]    [ Próx >> ]
 

Mais notícias
Cause and Effect: Keane em São Paulo
Fogueira em Alto Mar: Ana Carolina em São Paulo
The Pink Floyd Experience in Concert em São Paulo
Stratovarius em São Paulo
Djavan - Turnê Vesúvio no Espaço das Américas
Sick Bastards Fest com Infectious Grooves
Festival Nova Brasil FM 2019
Show Me: Sisters of Mercy em São Paulo
´Turn on Your Receiver´: Nazareth em São Paulo
Com ingressos esgotados, The Offspring e Bad Religion animam a noite de terça-feira em São Paulo

 
 
 
 
 
 Busca
 Siga o Musicão nas redes sociais
Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram Siga-nos no Tumblr Google Plus Youtube Pinterest
 Últimas Notícias
 Agenda de shows
Criação de Sites
Serviço
Arquivo de notícias
Equipe do Musicão
Release do site
Política de Privacidade
Contato

© 2006-2019 Musicão - Todos os direitos reservados - Proibida cópia de conteúdo parcial ou integral.